Procurar
Publicidade

Novo caso de sarampo na região Norte

A Direção-Geral da Saúde (DGS) informa que foi identificado um novo caso confirmado de sarampo na Região Norte.

A DGS destaca, no seu site oficial, em nota informativa, que trata-se de uma “pessoa do sexo feminino, de 20 anos de idade, com história de viagem ao estrangeiro no período de incubação da doença, sem ligação conhecida com os casos confirmados este ano, em Portugal”.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) informa que a pessoa em causa encontra-se “clinicamente bem e fora do período de infecciosidade”, salientando que o “caso foi confirmado laboratorialmente pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA)”.

A autoridade de saúde nacional avança, ainda, que em articulação com a “rede de Autoridades de Saúde, em colaboração com o INSA e com os profissionais de Saúde, estão a acompanhar a evolução da situação de acordo com o previsto no Programa Nacional da Eliminação do Sarampo, com enfoque na confirmação de casos suspeitos e rastreio de contactos”.

A DGS esclarece que desde o “dia 11 de janeiro de 2024, foram confirmados oito casos de sarampo: dois casos na região de Lisboa e Vale do Tejo e seis casos na região do Norte”.

A mesma autoridade reforça a “importância da vacinação de acordo com o Programa Nacional de Vacinação, recomendando”, avisando para a importância de verificar o seu boletim de vacinas e, se necessário, vacinar-se.

A DGS recorda que a vacina contra o sarampo faz parte do Programa Nacional de Vacinação, está recomendada a pessoas com menos de 18 anos de idade: sendo que “1-4 anos – primeira dose (recomendada aos 12 meses de idade)”, dos “5-17 anos – segunda dose (recomendada aos 5 anos de idade”.

A vacinação é, também, recomendada a pessoas com 18 ou mais anos de idade “nascidos em ou após 1970, não vacinados contra o sarampo e sem história credível da doença – 1 dose (exceto profissionais de saúde – 2 doses); nascidos “antes de 1970 – não necessitam de estar vacinados (exceto profissionais de saúde – 2 doses)”.

As autoridades relembram que se esteve em “contacto com um caso suspeito de sarampo e tem dúvidas”, ligando para o SNS 24 – 808 24 24 24.

A DGS declara, ainda, que se tem “sinais ou sintomas sugestivos de sarampo evite o contacto com outros”, ligando para o SNS 24 – 808 24 24 24.

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Procurar
Close this search box.
Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade