Procurar
Publicidade

Suspeito de violência doméstica fica em prisão preventiva

Ficou em prisão preventiva o homem, de 49 anos, detido pelo Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Fânzeres, no dia 13 de fevereiro, suspeito por violência doméstica, no concelho de Gondomar.

A GNR destaca que “na sequência de uma denúncia a dar conta de uma situação de violência doméstica, no concelho de Gondomar, os militares da Guarda deslocaram-se ao local onde apuraram que a vítima, uma mulher de 68 anos, era alvo de ameaças e injúrias por parte do agressor, o seu filho”.

As autoridades reforçam que o “suspeito, que já cumpriu uma pena de prisão efetiva por crimes da mesma natureza, foi detido e presente no Tribunal Judicial do Porto, no dia 14 de fevereiro, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva”.

A Guarda relembra que a “violência doméstica é um crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva”, salientando que realiza regularmente campanhas e ações de sensibilização sobre o tema da violência doméstica.

(Fotografias: DR/foto ilustrativa)

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Procurar
Close this search box.
Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade