Procurar
Publicidade

Projeto da futura Casa-Museu do poeta Daniel Faria apresentado hoje

Foi assinado, esta quinta-feira, na antiga escola básica 2º e 3º ciclo de Baltar, no concelho de Paredes, o auto de consignação e lançamento da obra do projeto de requalificação de edifício destinado ao polo local de inclusão “centro promocional da literacia e desenvolvimento pessoal – poeta Daniel Faria”.

O presidente da Câmara de Paredes, Alexandre Almeida, relevou a importância deste equipamento cultural para a vila de Baltar e para o concelho, salientando que o espaço que irá acolher o espólio de Daniel Faria.

O responsável pela autarquia declarou, que futura casa museu irá funcionar como espaço cultural, integrando um auditório e várias valências para promover a literacia, estando, também, ao serviço da comunidade escolar.

“O espaço irá manter a traça, irá ter uma escadaria central inspirada num poema de Daniel Faria, irá ser construído um auditório, espaços para trabalho e para promover a literacia. Queremos que este equipamento envolva a comunidade e dignifique a freguesia e a vila de Baltar que integra já vários estabelecimentos de ensino”, disse.

Fernanda Faria, mãe de Daniel Faria, mostrou-se “orgulhosa” pela requalificação de edifício destinado ao polo local de inclusão “centro promocional da literacia e desenvolvimento pessoal – poeta Daniel Faria”, admitindo que a construção deste equipamento será motivo de regozijo para os baltarenses.

“Este é um momento importante para Baltar, o Daniel Faria era uma pessoa do concelho, sinto-me obviamente orgulhosa. A sua poesia pode ensinar muita coisa, mesmo o meu filho não estando cá.  O projeto está bem conseguido, conhecia esta casa. Trabalhei aqui na minha juventude, o meu filho fez aqui o ciclo, pelo que esta obra terá ainda mais sentido para mim”, frisou.

Também o presidente da Junta de Freguesia de Baltar, Jorge Coelho, relevou, na sua intervenção, a importância deste equipamento, salientando que esta casa irá perpetuar o nome de um “filho da terra”.

“É para mim difícil encontrar palavras para definir a minha satisfação para estar presente nesta cerimónia do lançamento da primeira pedra para a reabilitação deste edifício” disse, sublinhando que esta obra vai contribuir não só para datar a freguesia de um espaço cultural que “há muito se impunha”.

Sobre Dabiel Faria, o autarca recordou que este é “um nome que já ultrapassou fronteiras, tornando-se uma referência no mundo cultural”.

O edifício do antigo palacete e antiga escola será reconvertido na “Casa-Museu do Poeta Daniel Faria”, uma homenagem ao poeta natural de Baltar.

 

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Procurar
Close this search box.
Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade