EM DIRETO
Fechar X
ASSISTA AGORA
EM DIRETO
Procurar
EM DIRETO
Publicidade

Castelo de Paiva: Feira de Fim de Século com “boa adesão”

Castelo de Paiva: Feira de Fim de Século com "boa adesão"

A Associação de Defesa do Património Histórico e Cultural de Castelo de Paiva (ADEP) voltou a garantir a realização de mais uma edição da Feira do Século XIX, uma iniciativa de referência, que voltou a ter uma “boa adesão de visitantes” no Parque das Tílias, em Sobrado.

A feira procurou recriar um evento que, a nível concelhio, que envolveu associações locais e procurou mostrar, com algum rigor, uma época através da representação de valores e tradições de outrora.

O certame contou com os “trajes, dos artesãos, dos comerciantes dos produtos agrícolas e animais domésticos, da música tradicional, do teatro e da animação de rua, do próprio ambiente vivido numa verdadeira feira de tempos já recuados”.

Fotografia: Câmara de Castelo de Paiva

O evento contou com um “Baile à Moda Antiga”, com a participação da Orquestra Tradicional de Nespereira.

 O vice-presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, José António Vilela, acompanhado da vereadora da Cultura, Liliana Vieira, e de Martinho Rocha, presidente da ADEP, estiveram no recinto a visitar o certame e participaram na entrega dos certificados de presença aos participantes.

Fotografia: Câmara de Castelo de Paiva

Citado em comunicado, o vice-presidente da autarquia enalteceu a iniciativa da ADEP, referindo que “ ao tentar caracterizar-se algumas atividades que faziam parte do quotidiano das pessoas da época, importa enaltecer estas iniciativas culturais gizadas para recuperar velhos costumes e reconstruir cenários já há muito esquecidos e também desconhecidos para muita gente, especialmente para a população mais jovem “.

O autarca manifestou a sua satisfação por poder constatar a vitalidade desta iniciativa, regressada este ano depois de dois anos de interregno devido à Covid-19, mantendo a matriz inicial.

“Para além de fazer reviver o passado, este tipo de realização, que já é uma referência turística e cultural do concelho, permite-nos respeitar, ainda mais, as nossas verdadeiras origens e os nossos antepassados, merecendo, por isso, o melhor apoio municipal “, disse.

Fotografia: Câmara de Castelo de Paiva

A comercialização de produtos agrícolas, a presença de diversos artífices, a venda do artesanato regional e dos animais domésticos, a mostra dos utensílios agrícolas, as danças e costumes de outrora, o vinho novo, a desfolhada, a gastronomia tradicional da época e o baile à moda com orquestra típica, foram alguns dos argumentos deste certame.

No âmbito deste certame a “ADEP apresentou um sarcófago medieval, datado entre 1420 a 1480, e que foi recuperado na freguesia de Real, onde tinha sido descoberto há 25 anos, e agora doado a esta associação de defesa e estudo do património histórico de Castelo de Paiva”.

Fotografia: Câmara de Castelo de Paiva

O programa desta 23ª edição teve início com algumas atividades etnográficas protagonizadas pelo Rancho Folclórico de S. Martinho, com baile no terreiro com uma Orquestra Tradicional, os Cantares ao Desafio com o Grupo de Concertinas do Museu Regional de Cucujães e uma prova de sabores.

Como já é habitual, algumas das valências da ADEP, designadamente as Artes Gráficas, o “museu “Primeiras Artes” e a “Casa dos Engenhos”, estiveram abertas ao público.

Fotografia: Câmara de Castelo de Paiva

Citado, também, em comunicado, Martinho Rocha, atual presidente da ADEP, voltou a mostrar-se satisfeito com a adesão conseguida e fez um balanço positivo desta 23.ª edição da feira.

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Procurar
Close this search box.
Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade