Novum Canal

mobile

tablet

Vinho Verde & Street Food Felgueiras foi um sucesso
Fotografia: CM Felgueiras

Vinho Verde & Street Food Felgueiras foi um sucesso

Partilhar por:

A 2.ª edição do “Vinho Verde & Street Food Felgueiras”, evento realizado no passado fim de semana (de 29 a 31 de julho), na Praça Machado de Matos, “foi um sucesso, quer pelo valor das ações enogastronómicas e turísticas, quer pela afluência de mais 15 mil visitantes”, refere a autarquia felgueirense em comunicado. 

Nuno Fonseca, presidente da Câmara Municipal de Felgueiras salientou que “o Vinho Verde & Street Food Felgueiras já se afirmou, nesta segunda edição, no contexto dos eventos de promoção de vinhos, pelo conceito diferenciador – de Felgueiras – que proporciona a prova de vinhos de elevada qualidade com street food e criações gastronómicas, que incorporam produtos endógenos, que os reputados chefs convidados dedicaram à gastronomia de Felgueiras. Felgueiras é o maior produtor nacional (14 milhões de litros) e exportador de Vinho Verde, exportando para mais de 30 países em todo o mundo; é o maior produtor nacional e exportador de kiwi (com 300 hectares de pomares, 2.376 toneladas e 2,5 M€ de vendas) e espargos verdes. O Pão de Ló de Margaride é uma referência nacional de doces tradicionais. Estes produtos endógenos do setor agroalimentar foram promovidos de forma destacada e valorizados no evento, em perfeita harmonização, aumentando a sua notoriedade e imagem no mercado”. 

O autarca acrescentou que a apresentação do projeto “A Malga de Siza Vieira” dedicado ao Vinho Verde foi prestigiante para Felgueiras.  

Já Joel Costa, vereador das atividades empresariais e turismo, salientou que “a aposta nas ações enogastronómicas e de dinamização turística se traduziu num significativo valor acrescentado para a promoção e valorização do que de melhor Felgueiras tem no setor agroalimentar (desde o chef Marco Gomes que apresentou um risoto com espargos e uma sobremesa tendo por base o Pão de Ló de Margaride, ao chef Tiago Bonito que introduziu o kiwi numa abordagem contemporânea da tradicional patanisca de bacalhau, à wine educator Ana Silva que educou para a análise sensorial dos vinhos, promovendo uma interessante interação com o público, culminando com a harmonização entre Vinho, Fado e Pão de Ló de Margaride) e no turismo, com visitas ao turismo industrial (Fábrica do Pão de Ló de Margaride e Cooperativa Terras de Felgueiras), à rota do românico (Mosteiro de St.ª Maria de Pombeiro) e uma caminhada em toda a extensão (16,9 Km) do Caminho de Torres em Felgueiras  – Caminhos de Santiago”. 

O vereador acrescentou ainda que “a criação da zona de restauração permitiu acolher melhor e estimular a visita, e o programa de animação foi importante para a atração de públicos alvo, sobressaindo o concerto do Noble, a Porsche GT3 Cup e os talentos da terra”.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!