Publicidade

Mátria, uma ópera para o Douro e em construção

Mátria, uma ópera para o Douro e em construção

Pela primeira vez em Portugal, está a ser criada uma ópera totalmente baseada na obra de Miguel Torga.

A organização destaca, em comunicado, que a “ópera Mátria está a ser desenvolvida em Trás-os-Montes e, muito em breve, entrará numa fase importante de comunicação, com a aproximação da data de estreia, a 17 de dezembro de 2021 no Teatro de Vila Real, e das duas récitas que se seguem a 18 e 19 de dezembro, também em Vila Real”.

 A ópera seguirá depois para o Teatro de Bragança, em fevereiro, no dia 20.

Mátria, uma ópera para o Douro e em construção
Fotografia: Direitos Reservados

A equipa da Mátria é constituída pelos solistas “Job Tomé, Mário João Alves, Tiago Matos, Paulo Lapa, Regina Freire, Ana dos Santos e Madalena Tomé”.

 A direção musical está a cargo de Jan Wierzba e a composição de Fernando C. Lapa.

O libreto é da responsabilidade de Eduarda Freitas (a partir de Miguel Torga) e a encenação de Ángel Fragua.

A ópera conta com a figurino Cláudia Ribeiro, a participação do Coro Comunitário + Moços do Coro e a Orquestra Mátria.

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade