Publicidade

(C/VÍDEO) Inaugurada sede da Corredor do Rio Leça. Ministro reafirma investimento de 50 milhões na reabilitação dos rios.

Sede da Corredor do Rio Leça inaugurada. Ministro anuncia cerca e 50 milhões de euros na reabilitação dos rios.

O Ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, presidiu, esta manhã, à inauguração da sede da Corredor do Rio Leça, localizada nas instalações do Centro Empresarial Lionesa, em Leça do Balio, Matosinhos.

Refira-se que o Corredor do Rio Leça é uma associação que tem como metas a “despoluição, reabilitação ecológica, valorização paisagística, cultural e socioeconómica”, deste ativo e recurso que é o rio Leça.

Na sua intervenção o ministro reiterou que vai investir cerca e 50 milhões de euros em projetos de reabilitação e valorização fluvial, confirmando que o conjunto dos projetos de reabilitação têm de ser executados até 2023.

“Dispomos de dois anos para o fazer. O Governo não tem dúvidas da relevância destas ações e intervenções e por isso queremos animar a economia. São de facto 50 milhões de euros para implementar estes projetos, com esta engenharia natural, o que significa, também, um baixo custo, mas com a certeza que vamos ter as margens dos rios despoluídas e reabilitadas”, disse, salientando o trabalho realizado no rio Leça na sua requalificação e valorização fluvial.

“Há sempre fenómenos de poluição, coisas que correm menos bem, mesmo com estruturas capazes, mas é vital ter este rio requalificado e quanto mais pessoas caminharem ao longo do rio Leça, melhor vai ser a qualidade da água. Quero agradecer aos autarcas a disponibilidade e o empenhamento para fazerem parte deste tipo de projetos. São, agora, não 16 milhões de euros, mas cerca de 50 milhões de euros, são agora não mil quilómetros de ribeiras, mas 150 quilómetros de rios. Temos a possibilidade de testar a uma escala maior, um outro caudal e uma outra largura, distância entre margens, aquilo que com tanto sucesso fizemos em algumas ribeiras. É mesmo um exercício maior aquele que estamos a fazer, agora. Estou profundamente convencido da competência técnica que temos para fazer esse exercício”, expressou salientando que num tempo em que olhamos para o território de outra forma, valorizamos a importância da biodiversidade, é essencial este entendimento entre as autarquias e o Governo.

O presidente da Câmara de Valongo, José Manuel Ribeiro, destacou que depois da constituição da associação intermunicipal, a inauguração da sede do Corredor do Rio Leça representa mais um passo fundamental  no âmbito do estratégia de recuperação do Rio Leça.

“Para além da abertura da sede é, também, de destacar a assinatura do protocolo de Cooperação Técnica entre a Agência Portuguesa do Ambiente e a Corredor do Rio Leça, tendo em vista a candidatura ao Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020) para a realização da “Intervenção de Reabilitação e Valorização das Margens do Rio Leça e principais afluentes”. Um protocolo que nos vai garantir um apoio de quatro  milhões de euros para atuar no corredor do Rio Leça. É uma excelente notícia e significa que estamos a trabalhar e a fazer coisas”, concretizou, sublinhando que tem existido um articulação das quatro autarquias que integram este projeto (Santo Tirso, Matosinhos, Valongo e Maia) com o Governo, no sentido de se proceder à valorização deste recurso fluvial.

“Há um apoio do Governo, da APA e dos instrumentos financeiros que estão disponíveis. Nos próximos tempos, temos dois anos para executar quatro milhões, na renaturalização das margens. É um apoio específico. Estas soluções, a bioengenharia permitem-nos que as margens possam ser utilizadas, por exemplo, na mobilidade, neste caso, através de caminhos, andar de bicicleta, usufruiu das margens do rio, esta simplesmente ali sentado. Permite-nos uma utilização desta infraestrutura azul. Para Valongo que está ligado a uma infraestrutura verde, que é o Parque das Serras do Porto, estar também ligado a uma infraestrutura azul, como é o Corredor do Rio Leça, é ótimo. Para mim, em particular, que sou um apaixonado pelo ambiente, pela natureza, e que tenho o pelouro do ambiente, é um dia muito feliz”, concretizou.

A cerimónia contou com as presenças do presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa, do presidente da Câmara Municipal de Valongo, José Manuel Ribeiro, do presidente da Câmara Municipal da Maia, António Silva Tiago, e a presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Luísa Salgueiro.

Além do ato de descerramento da placa inaugurativa da Corredor do Rio Leça, a cerimónia integrou a apresentação do projeto de Recuperação do Rio Leça pelo vice-Presidente da Agência Portuguesa do Ambiente, Pimenta Machado, e pelo secretário executivo da Corredor do Rio Leça, Artur Branco.

Durante a cerimónia foi celebrada a assinatura do Protocolo de Cooperação Técnica entre a Agência Portuguesa do Ambiente e a Corredor do Rio Leça, tendo em vista a candidatura ao Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020) para a realização da “Intervenção de Reabilitação e Valorização das Margens do Rio Leça e principais afluentes”.

Seguiu-se uma visita à intervenção de reabilitação do Rio Leça.

Refira-se que a “Associação de Municípios, Corredor do Rio Leça, é a primeira associação intermunicipal do país a ter como objetivo a recuperação de um rio, dedicando-se à gestão, execução e manutenção do plano estratégico de recuperação do Rio Leça”.

O Corredor do Rio Leça surge com os objetivos de “recuperação ecológica do rio e a valorização paisagística, cultural e socioeconómica do território que ele atravessa, desde a nascente até à foz, bem como, a promoção de conhecimento, novas oportunidades de mobilidade suave, lazer e estadia ao longo do rio, sensibilização ambiental, valorização do contacto com a natureza, dos serviços de ecossistema e da vida ao ar livre”.

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade