Publicidade

OMS diz para testar, testar e testar e o Porto está a testar, até em dia de Páscoa

Nem em Domingo de Páscoa o Porto parou os seus programas de testagem para Covid-19. Ontem, no Queimódromo, mais de 300 portuenses puderam fazer o seu teste em segurança com a Unilabs e sem terem que recorrer a um hospital. A equipa do primeiro centro de rastreio móvel do país, que não parou neste dia festivo, enviou uma fotografia ao Porto.pt para agradecer a forma como a cidade está a encarar a pandemia.

Ontem, o programa de rastreio completo aos lares do Porto, ultrapassou as 3 mil pessoas já testadas. O Porto está a cumprir as recomendações da OMS e só nos dois programas do Município ou com apoio do Município, 4% da população já foi rastreada.

Mesmo que o efeito seja o de “aparentemente” a cidade ter mais casos positivos, o Porto continua a apostar nos testes para prevenir, como acontece nos lares, onde decorre um programa quase sem paralelo a nível mundial. Ao todo, são já 3111 as pessoas testadas em mais de 50 lares. A Câmara, com o apoio do Hospital de São João e dos Agrupamentos de Centros de Saúde, mas também com o recurso a 5 mil kits de testes oferecidos por um privado, tem podido testar não apenas os funcionários e nem apenas os utentes do lares, mas todos.

Partilhe nas Redes Sociais

Em Destaque

Artigos relacionados

Publicidade

Contribua já:

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade

Publicidade

Estamos a melhorar por si, Novum Canal, sempre novum, sempre seu!

Publicidade