Sábado, Maio 30, 2020
AlijóObrasÚltima Hora

Alijó vai requalificar a área envolvente do Plátano no centro histórico

58visualizações

José Rodrigues Paredes, presidente da Câmara Municipal de Alijó, assinou, hoje, o contrato de adjudicação da empreitada de requalificação da área envolvente ao Plátano, no centro da vila, que será agora submetido a visto do Tribunal de Contas, após o qual será feita a consignação. A partir desse momento, a obra tem o prazo de execução de um ano.

A obra pretende requalificar o espaço nobre “de forma a modernizar o centro histórico de Alijó, que inclui ainda a Igreja Matriz, o Chafariz e o Tribunal”.

A intervenção exige um investimento superior a 450 mil euros, comparticipados em 85% por fundos comunitários. “Este espaço necessitava, há já vários anos, de uma requalificação profunda que valorize a imagem urbana da vila e privilegie o seu uso pelo peão”, explica o presidente da autarquia.

Para além de requalificar o espaço público, vai melhorar a acessibilidade pedonal e promover a valorização ecológica, estética e funcional da área. A intervenção prevê ainda a criação de uma zona de proteção em redor do Plátano de Alijó, árvore centenária classificada como Monumento Nacional de Interesse Público.

“Será realizado um arranjo urbanístico, de forma a permitir que a circulação automóvel seja afastada do Plátano e que aquele espaço passe a ser aproveitado pela população”, acrescenta.